Dilma defende criação de lei para universalizar acesso à internet

Padrão

imagem (4)

A presidenta Dilma Rousseff aproveitou um debate promovido pela campanha “Banda Larga é um Direito Seu!” para defender um novo plano de universalização da internet de banda larga no país. A chefe de Estado defendeu a criação de uma lei que garanta o acesso amplo a conexão com velocidade e qualidade, com pelo menos 80% dos municípios cobertos por fibra óptica.

Dilma afirmou que o acesso universal teria de ser garantido por legislação, “senão não haverá força política para obrigar as empresas a cumprirem as metas estabelecidas”, diz a candidata à reeleição.

Durante o debate, a presidenta diz que pretende retomar a expansão da Telebras, que foi paralisada desde o fim da gestão Lula. A estatal é essencial para o projeto, já que “tem condições de trabalhar com pequenos e médios provedores e forçar a competição em mais de 800 municípios”. Também serão necessários investimentos do orçamento da União.

Contudo, ela reconhece que não há como o governo fazer sozinho o investimento. A proposta para os próximos quatro anos é fazer parcerias com as empresas mas colocando metas. Dilma espera conseguir atrair o interesse das empresas com juros subsidiados, com maior prazo e carência para pagamento dos empréstimos.

Via CartaCapital

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s